compartilhe>


Por Redação SIFUSPESP


Policiais penais da Penitenciária de Valparaíso, no interior paulista, e da Célula de Intervenção Rápida (CIR) da região, tiveram que atuar na noite da última quarta-feira (15) para retirada de um detento que ficou solto no Pavilhão Celular II. 

O preso havia desacatado um policial penal ao se recusar sair do pavilhão e por isso, depois da tranca da tarde, por volta das 18h, foi solto da cela, por determinação do diretor de Segurança e Disciplina, para ser encaminhado ao Pavilhão Disciplinar. 

O detento fez uma “barricada” com vários objetos do pavilhão e ainda ameaçou servidores com cabos de vassoura que estavam amarrados em garrafas plásticas utilizados como equipamento de musculação artesanal. 

Depois das muitas tentativas de diálogo, os policiais penais da CIR e da unidade invadiram o raio e algemaram o preso, que foi encaminhado diretamente ao Pavilhão Disciplinar. A situação foi controlada por volta das 22h. 

A direção do Sifuspesp vai contatar a direção da unidade para apurar outros detalhes do ocorrido e cobrar medidas para melhores condições de trabalho na penitenciária.